PROJETO

ARQUITETÔNICO

O projeto arquitetônico consiste em uma proposta de criação de um espaço que atenda a todas as necessidades que seu uso implicará no futuro, como funcionais, de conforto ambiental (térmico, acústico e lumínico) e estéticas, sendo assim fundamental para garantir sua qualidade. É a partir do projeto arquitetônico que outros projetos podem ser realizados, como o estrutural, elétrico e hidrossanitário.

 

PROJETO

HIDROSSANITÁRIO

O projeto hidrossanitário compreende o cálculo dos diferentes conjuntos de canalizações, aparelhos, conexões, peças especiais e acessórios destinados ao abastecimento de água e afastamento de águas servidas ou pluviais dos prédios. Desde a ligação à rede pública de água até o retorno ao coletor público de esgotos ou o sistema individual de tratamento. Assim como as instalações elétricas, um bom projeto de instalações hidráulicas é imprescindível para uma construção.

 

PROJETO

ELÉTRICO

O projeto elétrico é de muita importância já que é possível planejar como será, na prática, o funcionamento de toda a fiação elétrica e possíveis instalações, como luminárias, tomadas, ar condicionado, sistema de alarme, etc. É um projeto fundamental pois garante aos moradores a qualidade e segurança de manterem a residência estável e com locais pontuais que poderão ser alvo de instalações e alterações futuras.

 

PROJETO

ESTRUTURAL

No projeto de cálculo estrutural é feito um estudo para o dimensionamento das estruturas que darão sustentação a edificação (vigas, lajes e pilares), proporcionando a estabilização, evitando colapso  e patologias, como: trincas, quedas de revestimentos, deslocamentos de pisos etc. Esse projeto é  fundamental para otimizar as peças e componentes da estrutura, definir as especificações dos tipos e características dos materiais a utilizar  como também é fundamental  para o estudo prévio das fundações.

flat-lay-tools-with-copy-space.jpg

QUANTITATIVO DE MATERIAIS

O quantitativo de materiais é uma etapa muito importante tanto para o orçamento como para o planejamento e a execução de projetos. É graças ao referido levantamento, que existe a possibilidade de calcular o quanto será investido em materiais, em mão de obra, entre outros detalhes, possibilitando assim a realização de orçamentos precisos e viáveis. Além disso, essa operação permite que você tenha sempre o controle do que será gasto durante o processo de construção.

LAUDO
TÉCNICO


Os laudos técnicos nada mais são do que avaliações feitas por um profissional competente acerca de um problema ou situação. Ele é composto por duas partes: a primeira é a visita técnica da equipe, na qual verifica-se possíveis patologias ou inconformidades da edificação com o projeto fornecido. A segunda parte é a produção de um relatório que funciona como parecer técnico, relatando esses elementos e sua localidade na edificação, bem como atestando a causa e fornecendo possíveis soluções quando necessário ou conveniente.

young-architect-holding-blueprint-and-hamlet.jpg